2 coisas essenciais para você saber sobre seguro total para carros - Satcom Rastreadores

2 coisas essenciais para você saber sobre seguro total para carros

mm Redação Satcom

Se você precisa contratar um seguro total para o seu carro, preste atenção no que vai ler aqui.

Existem 2 coisas que você precisa entender antes de tomar qualquer decisão.
Como vimos em nosso último artigo, o seguro total para carros cobre muito mais do que somente danos e perdas ocasionadas por colisão, incêndio ou roubo.

No entanto, para um plano de seguro seja total, o cliente deve contratar a mais algumas coberturas que são bem específicas.

Esses adicionais incluem: blindagem, troca de acessórios por conta de colisões, danos morais, substituição de equipamentos (excluindo equipamentos de áudio e vídeo). Tudo de acordo com a sua necessidade.

Algumas seguradoras ainda oferecem extensões do plano básico como, por exemplo, a extensão do perímetro – extensão da área de abrangência do seguro a outros países da América do Sul – e despesas extraordinárias.

Claro, tudo isso interfere no valor a ser pago à seguradora.

Dependendo dos itens adicionados à apólice, os valores podem ficar bem altos.

Lembrando que características como modelo do automóvel, gênero do condutor, idade e até mesmo onde o carro fica guardado durante à noite também influenciam no valor final.

Para você que ainda está em dúvidas se deve ou não contratar o seguro total para carros, separamos as informações mais importantes que lhe podem ser úteis para a sua decisão.

[#1] É obrigatório pagar o seguro total?

Não. Na verdade, nem mesmo o seguro básico se tem a obrigação de pagar, sendo ambos meramente facultativos.

Você paga somente se quiser ter seu carro protegido contra prejuízos de todos os tipos. No caso do seguro total para carros especificamente, um não interfere no outro.

O proprietário do veículo pode escolher se acrescenta, ou não, as coberturas adicionais na apólice.

Mas, ainda existe um seguro que é obrigatório ser pago.

Todo dono de veículo precisa realizar o pagamento obrigatório do DPVAT (Danos Pessoais causados por Veículos Automotores de Via Terrestre).

Este, pago em conjunto com o IPVA (Imposto sobre Propriedade de Veículos Automotores) garante que vítimas de acidentes terrestres (passageiros, motoristas ou pedestres) sejam indenizadas.

Mas não cobre danos materiais que podem vir a acontecer.

É preciso ter ciência da diferença de um para outro:
O DPVAT é acionado somente quando há vítimas, independente de quem seja o responsável pelo acidente.

O seguro total para carros é utilizado quando o segurado é culpado pelo acidente de trânsito, com intenção de cobrir despesas materiais.

[#2] O seguro total cobre mais coisas que o básico?

Sim. Mesmo sem os adicionais, o seguro total para carros cobre mais eventos além do seguro básico. Para se ter uma noção, o seguro total cobre contra colisão, abalroamento ou capotagem acidentais.

O contratante também fica protegido em caso de queda acidental em precipícios, e queda acidental de qualquer agente externo sobre o veículo.Coisas que o seguro básico não atende.

Portanto, é muito comum que motoristas contratem a cobertura compreensiva ou total contra colisão, incêndio e roubo.

Mesmo que seja o pacote mais caro, é o que garante mais tipos de proteção, e que evita qualquer dor de cabeça e te traz mais tranquilidade.

Este tipo de seguro também considera cobertura em casos em que o cliente possa sofrer danos por queda de um raio e qualquer consequência que isso possa ocasionar, como incêndio ou explosão acidentais.

Proteja-se de problemas judiciais sérios e danos materiais devastadores com seguro total para carros.

O seguro total para carros é um recurso muito importante na vida de qualquer pessoas que tenha um veículo.

Estamos sempre sujeitos a eventos de toda sorte: pode ser um erro cometido por você na direção do carro, ou um acidente causado por outro motorista…

Ou até mesmo coisas que não é culpa de ninguém, como ter o carro invadido por uma enchente ou uma árvore cair em cima dele.

Felizmente, hoje existem soluções que nos protegem desses infortúnios. É o caso do seguro total para carro.

Com os adicionais de proteção que ele oferece, você tem mais tranquilidade em relação ao seu patrimônio automotivo.

Chega de ficar “a Deus dará”. Como diz o ditado: “o seguro morreu de velho”.

Proteja agora seu automóvel, solicitando uma cotação gratuita e sem compromisso conosco.


mm

Sobre o autor(a)

Redação Satcom